Escola Politécnica promove Som e Cena

Objetivo do evento, que terá apresentações de música e teatro, é trazer a arte para dentro do espaço escolar. Festival será encerrado com show da banda El Efecto
Julia Neves - EPSJV/Fiocruz | 05/06/2018 15h37 - Atualizado em 13/07/2018 09h20

Um dia para mergulhar no universo da arte: esse é o objetivo do Som e Cena, evento que será realizado dia 12 de julho, com diversas atividades culturais na Escola Politécnica de Saúde Joaquim Venâncio (EPSJV/Fiocruz). O encontro busca apresentar a todos um pouco do que é feito nas aulas de teatro e música da Escola e, ao mesmo tempo, fazer com que os alunos entrem em contato com outros profissionais dessa área. Segundo uma das organizadoras do evento, a professora-pesquisadora da EPSJV, Jeanine Bogaerts, o Som e Cena reúne profissionais que podem mostrar aos alunos que o caminho da arte pode ser uma profissão engajada, que discute questões da sociedade e traz reflexões e temas importantes. “A nossa sociedade não valoriza a arte como uma forma de expressão autêntica e é muito importante trazermos isso para dentro do espaço escolar”, destaca Jeanine.

Para a professora-pesquisadora da EPSJV, Helena Vieira, que também está na organização do evento, o Som e Cena integra os alunos por meio das artes, propõe a reflexão e a criação de um material artístico junto aos alunos, além de propiciar uma vivencia com questões artísticas do cotidiano: “É muito importante olhar para a arte pela perspectiva do fazer. É fundamental para a oxigenação da escola, fazer com que os alunos pensem outras disciplinas através da arte”.

Programação

O Som e Cena tem início a partir das 14 horas, com apresentações culturais dos alunos das turmas de segundo e terceiro ano do Ensino Médio da EPSJV. As turmas do terceiro ano das habilitações de Análises Clínicas e Gerência em Saúde irão encenar a peça ‘Inquietações de um adolescente’ – o roteiro foi construído pelos próprios alunos que decidiram discutir sobre saúde mental através de depoimentos de pessoas próximas. Além disso, as turmas irão cantar a música ‘Para não dizer que não falei das flores’. O segundo ano da habilitação de Biotecnologia apresentará o conto de origem japonesa ‘A Arte do Gato Maravilhoso’ e as músicas ‘Canto do povo de um lugar’, ‘A Rã’ e ‘500 milhas’.

Já os estudantes do segundo ano das habilitações de Análises Clínicas e Gerência em Saúde encenarão a peça ‘O (nosso) Baile’, baseada no filme ‘O baile’, uma comédia musical dirigida por Ettore Scola. Com muita música e expressão corporal, os alunos adaptaram o roteiro e incluíram cenas que remetem ao cotidiano dos jovens. ‘Canção da paz’ e ‘Guerra por paz’ foram as músicas escolhidas para apresentação da turma.

Para fechar o evento, a banda El Efecto traz seu repertório em um show com músicas ecléticas, que abordam temas políticos e sociais. O novo álbum da banda – ‘Memórias de Fogo’ – reúne músicas como ‘O Drama da Humana Manada’ e ‘O Monge e o Executivo’, que fazem críticas às longas jornadas de trabalho.

Serviço:

Telefone: (21) 3865-9796/9737
Assessora de imprensa: Talita Rodrigues
Site: www.epsjv.fiocruz.br
Evento no facebook: https://goo.gl/wauuKJ

Comentar